Pedagogia de Montessori: o que é e como está presente nos concursos pedagógicos

Pedagogia de Montessori: o que é e como está presente nos concursos pedagógicos

Você conhece a pedagogia de Montessori, sua importância na educação e sua presença nos concursos de pedagogia?

Se você não conhece esse método pedagógico, então esse artigo que trazemos hoje é essencial para você! Principalmente, caso você esteja se formando como educador e também se preparando para prestar concursos de pedagogia.

Afinal, ele é fruto do trabalho de uma das autoras mais cobradas em bancas de concursos pedagógicos. Portanto, conhecer a fundo o assunto é essencial para a preparação do estudante e sua aprovação.

Por isso, acompanhe com muita atenção, as próximas linhas para entender tudo sobre a pedagogia de Montessori e sua presença nos concursos.

Quem foi Maria Montessori

Primeiramente, é fundamental conhecer mais sobre a criadora do método montessoriano de educação.

Maria Montessori foi uma médica e educadora italiana do século XIX e XIX. Desde pequena, interessada pelas ciências, teve de enfrentar muita resistência familiar para dar seguimento a seus estudos, ingressando na Universidade de Roma.

Ela foi a primeira mulher a se formar em medicina na Itália. Essa formação influenciou sua forma de enxergar a sala de aula, permitindo uma abordagem de observação científica.

Discípula das ideias de Rousseau, Maria Montessori é a pioneira da “autoeducação”. Além disso, seu trabalho e seu método foram um dos primeiros a olhar para as crianças com necessidades diferentes de aprendizagem.

O que é a Pedagogia de Montessori

A Pedagogia de Montessori pode ser entendida como um método pedagógico que valoriza e incentiva a autoeducação do estudante.

A teoria montessoriana, como também é conhecida, trabalha com a ideia de que toda criança tem todo o potencial necessário para conduzir seu aprendizado. Tudo que a escola deve fazer é guiá-la, a cada fase da infância e aprendizagem, a evoluir e despertar todo esse potencial.

Além disso, ela também desloca o enfoque da educação da mera transmissão de conteúdo, para a forma do pensamento do estudante.

Quais são os pilares principais da Pedagogia de Montessori

O método montessoriano possui seis pilares principais. Eles sempre precisam ser trabalhados em conjunto para promover uma educação efetiva conforme a teoria de Montessori.

Os seis pilares principais da pedagogia de Montessori são:

  • Autoeducação: a criança é capaz de aprender sozinha, adquirindo conhecimentos de forma livre e independente, desde que tenha os meios estimulantes adequados ao seu desenvolvimento.
  • Educação como Ciência: a pedagogia montessoriana é chamada de Pedagogia Científica algumas vezes, pois foi desenvolvida por meio da observação das ações das crianças, para assim descobrir o que estimula o seu desenvolvimento e quais características a educação formal precisa ter para ser mais eficiente e assertiva.
  • Educação Cósmica: o método montessoriano defende a ideia de que todas as coisas estão ligadas e dependem umas das outras.
  • Ambientes preparados: as instituições que usam a pedagogia de Montessori oferecem e preparam ambientes de ensino que estimulam a liberdade e independência do aluno. Para isso, usam objetos interessantes e ambientes minimalistas capazes de conversar com as crianças e facilitar seu aprendizado.
  • Criança Equilibrada: no método montessoriano, existe a ideia de que toda criança possui um senso interno, um “guia”, que a informa sobre o esforço necessário para seu desenvolvimento. Tal guia deve ser direcionado e desenvolvido por meios adequados, oferecidos pelos professores e instituições de ensino. De modo que as crianças atinjam um desenvolvimento onde estão equilibradas, felizes, esforçadas, generosas, concentradas e independentes.
  • Adulto Preparado: são os educadores, pais e responsáveis pelas crianças, que devem fornecer os meios adequados e confiar na autoeducação da criança para que ela atinja seu máximo desenvolvimento.

Saiba mais: O que é pedagogia: tudo sobre a disciplina

Onde a pedagogia de Montessori é praticada

A pedagogia de Montessori tem sido praticada há muito tempo em diversos países pelo mundo. Sendo especialmente utilizada por instituições de ensino dedicadas à educação infantil.

Ou seja, o método montessoriano é praticado mais comumente para a educação de primeira infância e ensino básico. Muito da razão disso é pelo fato de a pedagogia criada por Montessori ter como característica a pedagogia da autonomia.

Afinal, ela enfatiza a liberdade do aluno para aprender por si mesmo, com estímulos devidos e, assim, desenvolver seu conhecimento.

No Brasil, esse método pedagógico é praticado na educação infantil em diversas escolas públicas e privadas do país.

Importância da Pedagogia de Montessori na atualidade

A Pedagogia de Montessori tem grande importância no cenário da educação há muitos anos.

O método montessoriano, como já dissemos, tem por característica a pedagogia da autonomia, que enfatiza a liberdade do aluno para aprender por si mesmo, dentro do seu tempo.

Outro ponto de grande importância da pedagogia de Montessori é o uso da ludicidade no ensino. O método de Montessori utiliza muito da brincadeira no ensino, pois a considera como fundamental para a aprendizagem.

É comprovado que as brincadeiras ajudam a promover maior capacidade de socialização entre alunos. Além disso, as brincadeiras também estimulam o desenvolvimento de outras capacidades e habilidades individuais do estudante.

Leia também: Pedagogia de Rousseau: como é cobrada em concursos pedagógicos

Como a pedagogia de Montessori está presente nos concursos pedagógicos

Nos concursos pedagógicos, a pedagogia de Montessori tem grande presença nas provas. Tanto é que Maria Montessori é considerada uma das autoras mais cobradas nos concursos para pedagogia.

Praticamente, todas as bancas avaliadoras que preparam as provas dos concursos produzem questões a partir de seu trabalho. E o peso dessas questões, em muitas provas, costuma ser alto e ter papel decisivo na classificação final dos candidatos.

Por isso, é fundamental dedicar um bom tempo para estudar esse método pedagógico ao se preparar para um concurso. Caso contrário, você terá dificuldades, provavelmente, para prestar o concurso e acertar questões importantes.

Essas questões poderão fazer falta para sua nota final, diminuindo suas chances de ser aprovado no concurso.

Gostou desse conteúdo e quer saber mais sobre importantes autores e métodos pedagógicos, bem como dicas para passar em concursos de pedagogia?

Então, assine nossa Lista VIP no botão abaixo e receba conteúdos exclusivos diretamente na sua caixa de entrada.

INSCREVA-SE GRÁTIS

Equipe Pedagogia para Concurso

INSCREVA-SE GRÁTIS